r2

Quer montar as peças impressas em 3D do seu Robot Anprino?

Desenvolvemos um guião  passo a passo para montagem das peças impressas em 3 D do seu Robot Anprino.

Guião passo a passo para descarregar em pdf

Embora disponibilizemos este guião de montagem, temos de salientar que há outras soluções de montagem, cada um pode fazer as suas opções, desde que consiga organizar as peças e o robot fique funcional.

All-focus

Que peças impressas em 3 D têm o kit do Robot Anprino.

Peças iguais nas várias versões:

1 Base

1 Suporte com berlinde

4 “T”  para suporte dos motores + 1 suplente

1 Base para encaixe da placa arduino

2 Rodas

5 Espaçadores redondos (1 suplente)

2 braçadeiras para a powerbank

r2

Temos Power Recharging Station de Anprinos especiais

A turma 10º Ano do Curso Profissional de Técnico de Electrónica, Automação e Computadores da Escola Secundária Augusto Cabrita fizeram estas Power Recharging Station para as power banks dos anprinos.

Quando as power banks descarregavam nos eventos, para além de levarem muito tempo a carregar novamente, tínhamos de ter muitas extensões elétricas para carregar as power banks da frotinha dos robots anprino.

Assim, os alunos do professor Luís Dourado meteram mãos à obra. Algum material reciclado, fontes de alimentação de computadores arrumados e umas minuciosidades, como uns leds que acedem para nos dar sinal … e voilá conseguimos carregar a frota toda de uma só vez. Fica a dica podem construir as vossas.

A ANPRI agradece a preciosa colaboração.

Power Recharging Station (6)

Power Recharging Station (1) Power Recharging Station (2) Power Recharging Station (4)

r2

O Robot ANPRIno esteve na Famalicão Extreme Gaming

A convite da organização a equipa da ANPRI dinamizou o espaço Educação com workshops e demonstrações de Robots Anprino no Famalicão Extreme Gaming, que decorreu em Vila Nova de Famalicão nos dias 12 e 13 de outubro de 2018.

A segunda edição do Famalicão Extreme Gaming do festival de videojogos e de tecnologia onde os visitantes têm a oportunidade de conhecer e experimentar os jogos mais recentes para consolas, simuladores e dispositivos da nova geração, assistir ou jogar todo o tipo de videojogos, e interagir com alguns influenciadores (Youtubers, Streamers e outros) de renome nacional.

A equipa da ANPRI  dinamizou várias sessões entre as quais a programação com robots anprino.

Famalicão Extreme Gaming anprino

r2

A Pensar Em… Robot Anprino

a pensar em

O projeto A Pensar Em, que se dedica a criar divertidos e úteis tutoriais em vídeo sobre ferramentas TIC, tem uma série de vídeos dedicados ao Robot Anprino. Neles, mostram como trabalhar com o nosso robot, desde a montagem inicial à sua programação.

Este recurso, mais um que se junta à crescente comunidade de utilizadores do Robot Anprino, é uma preciosa ajuda para aqueles que se estão a iniciar na robótica educativa. Visitem-no no canal do YouTube A Pensar Em, ou na sua página web.

r2

Robots ANPRINO em destaque na STARTWORK – Feira de Educação e Empreendedorismo de Portimão

Os Robots Anprinos foram até Portimão e os alunos dos cursos de informática da Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes apresentaram as potencialidades na StartWork 2018, de 19 a 21 de abril, no âmbito da colaboração estabelecida com a Associação Nacional de Professores de Informática (ANPRI).

Assim, os robots, apresentados em kit, foram montados, programados e ornamentados no espaço da feira, envolvendo trabalho de equipa, num desafio permanente à criatividade.


21042018-DSC_2209

unnamed

Anprino em Portimão

r2

É de pequenino… que se monta um Anprino

29258463_408276142929281_5049131830549151744_n

Estas são imagens que aquecem o coração da equipe do Robot Anprino. Vieram da escola de Castro Verde, onde os meninos da Professora Paula Freire estão a montar os seus Anprinos. É fantástico ver como conseguem superar, por tentativa e erro, experimentando sem medo, o desafio de montar o robot. E ainda partilharam um vídeo nas redes sociais.

O Robot Anprino não foi concebido para ser de montagem fácil.  A lógica de design seguiu o princípio de ser o mais aberto possível no seu potencial, reconfigurável de acordo com as necessidades e imaginação de cada utilizador. Não pensámos ver os Anprinos em mãos tão pequenas. Estas imagens mostram, além de um excelente trabalho, que com entusiasmo e persistência as dificuldades ultrapassam-se.