IMG_20191213_150846

Cenário: Anprino Luminoso

A técnica de light painting não é novidade. Consiste em tirar fotografias de longa exposição enquanto alguém, ou algo, se movimenta com luz em espaços escuros. É algo que costuma dar resultados visualmente interessantes.

Usar um robot e os seus movimentos como base para um projeto destes também não é novidade. Um pouco mais complexo do que o nosso, este Light Painting Robot mostra o que se consegue fazer com arduino, servos e leds.

Os telemóveis têm, em geral, potentes câmaras. Normalmente é valorizada a sua capacidade em megapixels, mas as aplicações de fotografia permitem ir mais longe. Para lá dos modos automáticos, otimizados para diversas condições ambientais, dão acesso a versões digitais das ferramentas manuais. Com isso, podemos explorar opções mais criativas de fotografia, que exigem maior controlo do utilizador sobre a câmara.

 

Nestes projetos de robótica, podemos cruzar os saberes da tecnologia com os das artes, sempre numa perspetiva educacional. Daí esta proposta de cenário. Cruza fotografia com programação e robótica. Já tínhamos feito uma experiência inicial com os alunos, e agora sintetizamos estas ideias num cenário de aprendizagem.

Material necessário:

Robot Anprino; LEDs Grove (ligam facilmente à sensor shield e são programáveis no Ardublockly para Anprino); Computador com Ardublockly para Anprino e Arduino IDE; Telemóvel; Tripé (opcional).

Metodologia:

Programar o robot para desenvolver movimentos em ciclo (lineares, figuras geométricas, rodopiar, aleatórios). Configurar a câmara do telemóvel em modo manual/profissional, alterando o equilíbrio de brancos a gosto, e a abertura do obturador para temporizações de longa exposição. Podem ser experimentadas várias, usámos 1/2s nas nossas experiências. Numa sala totalmente escura, ligar o robot e fotografar.

Objetivos:

Desenvolver conhecimentos de programação e robótíca;
Aplicar programação e robótica em projetos;
Cruzar aprendizagens tecnológicas e artísticas;
Utilizar dispositivos móveis;
Adquirir conhecimentos sobre fotografia (enquadramento, equilíbrio de brancos/temperatura, sensibilidade, tempo de exposição/velocidade do obturador).

IMG_20191213_150846

Saudades do Robot Anprino?

Saudades do Robot Anprino? Aproveitamos estes dias para criar um conjunto de recursos para aprender, ou recordar, como se pode trabalhar com o Robot Anprino. Nestes três vídeos, mostramos alguns projetos de introdução à programação com este robot.

Optámos pelo Anprino Nandy. Com o sensor de ultrassons, podemos simular alguma autonomia no robot.

Tutoriais:

Robot Anprino: Aprender a Programar

Introdução ao projeto Robot Anprino, e primeiras experiência de programação com o Ardublockly para Anprino.

Programar o Anprino Nandy para reagir ao ambiente com o sensor de ultrassons.


Programar LEDs com Ardublockly para Anprino.

IMG_20191213_150846

Os Robots Anprino foram à Semana da Ciência & Tecnologia em Torres Vedras

A Câmara Municipal de Torres Vedras  organizou o mês da Ciência & Tecnologia através dos  serviços educativos Robótica para Todos e Quero ser Cientista. As atividades decorreram no Torres Vedras LabCenter, de 20 a 24 de novembro.

A convite dos serviços, a ANPRI esteve presente dinamizando oficinas para as escolas na área da modelação 3D e Robótica com o Robot Anprino.

No dia 23 participamos na mostra de projetos com os clubes das escolas do concelho e também com outras instituições.

A Robot Nana mostra a sua facetas e o robot pintor está cada vez mais afinado.

Agradecemos o convite que nos foi endereçado.

CT Torres Vedras

IMG_20191213_150846

Anprino Le Mans

O Anprino já pisca!
O Anprino já pisca!

 

Confessamos, este era o nome que gostaríamos de lhe dar, em homenagem às corridas 24 horas de Le Mans. O que gostaríamos mesmo era de o batizar com as sugestões da comunidade. O objetivo destas peças é ampliar o leque de ações para as quais o Anprino pode ser programado. A ideia original era dotar o modelo Arthur de faróis utilizando módulos LED da Seeed Studios, tirando partido dessa funcionalidade na app RC Car com o qual pode ser controlado. Mas, na verdade, os leds podem ser adaptados a qualquer modelo do Anprino. É só conectar à shield de sensores, e programar no Ardublockly. Com isto, podem dar luz e cor aos vossos Anprinos.

Material necessário:

Módulo LED grove.
Módulo LED grove.

Módulos LED Seeed Studio (por exemplo, o LED grove branco ). O kit inclui os cabos de ligação à shield de sensores.

Suportes para módulos LED.
Suportes para módulos LED.

Suportes para módulos LED. Estas peças são adaptadas a partir do modelo Grove Sensor Mount Small disponível no Thingiverse. Download dos ficheiros STL para impressão 3D:

Montagem e Programação

Portas para ligação dos LEDs.
Portas para ligação dos LEDs.

Os módulos LED podem ser ligados às portas analógicas da shield de sensores.

Programação dos LEDs no Ardublockly.
Programação dos LEDs no Ardublockly.

 

No Ardublockly para Anprino, os blocos para definir LEDs estão no separador Anprino.

E agora, fica lançado o desafio para que os vossos Anprinos  fiquem mais coloridos e luminosos! O limite é a vossa imaginação.

IMG_20191213_150846

Decorre hoje o Concurso Robô Bombeiro | Guarda

Está a decorrer hoje a 17ª edição do Concurso Nacional de Robótica na cidade da Guarda.

O Concurso Robô Bombeiro é organizado por docentes do Instituto Politécnico da Guarda. É um concurso de robótica, inspirado no Trinity College Fire Fighting Home Robot Contest, que põe à prova pequenos robôs móveis e autónomos com a missão de encontrar e apagar um incêndio, simulado por uma vela, num modelo de uma casa formado por corredores e quartos.

Concurso Robô Bombeiro
Concurso Robô Bombeiro
IMG_20191213_150846

12 clubes foram distinguidos no Evento Nacional do concurso “Clubes de Programação e Robótica 2019

Clubes de Robótica e Programação
Clubes de Programação e Robótica

 

Decorreu ontem, dia 3 de julho, em Lisboa, o Evento Nacional do concurso “Clubes de Programação e Robótica 2019” organizado pela Direção-Geral da Educação, no âmbito do projeto Clubes de Programação e Robótica (CPR).
Na fase regional, realizada no norte e no sul do país, foram selecionados 24 clubes, que neste evento partilharam as práticas de referência que dinamizam nas suas escolas.

Ontem, foram distinguidos 12 clubes, 3 por categoria, a saber,

Categoria 1 – Iniciação à Robótica

Agrupamento de Escolas de Alberto Sampaio

Agrupamento de Escolas Sanches

Agrupamento de Escolas de Gouveia

Categoria 2 – Veículos Robóticos 

Agrupamento de Escolas de Vilela

Agrupamento de Escolas de Mem Martins

Escola Secundária de Avelar Brotero

Categoria 3 – Objetos e espaços inteligentes

Escola Secundária Augusto Cabrita

Agrupamento de Escolas Vieira de Araújo

Externato Cooperativo da Benedita

Categoria 4 – Tema Livre

Escola Básica D. Afonso Henriques

Escola Secundária de Gago Coutinho

Agrupamento de Escolas de São Gonçalo

Contudo, importa salientar que o mais importante são as aprendizagens e as oportunidades e experiências vividas pelos alunos em cada escola, pois a qualidade dos projetos apresentados pelos diversos clubes era evidente e nem tudo é mensurável e avaliado no âmbito do concurso.

Parabéns a todos e continuação de bom trabalho.

IMG_20191213_150846

Quer montar as peças impressas em 3D do seu Robot Anprino?

Desenvolvemos um guião  passo a passo para montagem das peças impressas em 3 D do seu Robot Anprino.

Guião passo a passo para descarregar em pdf

Embora disponibilizemos este guião de montagem, temos de salientar que há outras soluções de montagem, cada um pode fazer as suas opções, desde que consiga organizar as peças e o robot fique funcional.

All-focus

Que peças impressas em 3 D têm o kit do Robot Anprino.

Peças iguais nas várias versões:

1 Base

1 Suporte com berlinde

4 “T”  para suporte dos motores + 1 suplente

1 Base para encaixe da placa arduino

2 Rodas

5 Espaçadores redondos (1 suplente)

2 braçadeiras para a powerbank

IMG_20191213_150846

Temos Power Recharging Station de Anprinos especiais

A turma 10º Ano do Curso Profissional de Técnico de Electrónica, Automação e Computadores da Escola Secundária Augusto Cabrita fizeram estas Power Recharging Station para as power banks dos anprinos.

Quando as power banks descarregavam nos eventos, para além de levarem muito tempo a carregar novamente, tínhamos de ter muitas extensões elétricas para carregar as power banks da frotinha dos robots anprino.

Assim, os alunos do professor Luís Dourado meteram mãos à obra. Algum material reciclado, fontes de alimentação de computadores arrumados e umas minuciosidades, como uns leds que acedem para nos dar sinal … e voilá conseguimos carregar a frota toda de uma só vez. Fica a dica podem construir as vossas.

A ANPRI agradece a preciosa colaboração.

Power Recharging Station (6)

Power Recharging Station (1) Power Recharging Station (2) Power Recharging Station (4)

IMG_20191213_150846

O Robot ANPRIno esteve na Famalicão Extreme Gaming

A convite da organização a equipa da ANPRI dinamizou o espaço Educação com workshops e demonstrações de Robots Anprino no Famalicão Extreme Gaming, que decorreu em Vila Nova de Famalicão nos dias 12 e 13 de outubro de 2018.

A segunda edição do Famalicão Extreme Gaming do festival de videojogos e de tecnologia onde os visitantes têm a oportunidade de conhecer e experimentar os jogos mais recentes para consolas, simuladores e dispositivos da nova geração, assistir ou jogar todo o tipo de videojogos, e interagir com alguns influenciadores (Youtubers, Streamers e outros) de renome nacional.

A equipa da ANPRI  dinamizou várias sessões entre as quais a programação com robots anprino.

Famalicão Extreme Gaming anprino