You are not logged in. (Login)

 
 
Picture of Patrícia Ferreira
Evento Final do Projeto Apps For Good
by Patrícia Ferreira - Wednesday, 16 September 2015, 7:32 PM
 

O Projeto Piloto chegou ao fim, contando com a participação de cerca de 300 alunos e de 32 professores de 16 escolas que conceberam um total de 56 aplicações. No dia 11 de setembro foram apresentadas e colocadas em competição, na Fundação Calouste Gulbenkian, as melhores aplicações concebidas pelos alunos entre os 10 e os 18 anos. Aproximadamente 65% dos professores participantes eram da área de informática.

A ANPRI associou-se a este projeto como parceira, a par da Direção Geral de Educação do Ministério da Educação e Ciência, da Microsoft, da Fundação EDP, da Fundação Calouste Gulbenkian e a Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações, entre outras instituições que se juntaram ao evento final.  

O Projeto Apps for Good tem como objetivo capacitar jovens estudantes na utilização de ferramentas digitais, mas com um propósito social e de cidadania. Por isso, a ANPRI aceitou este desafio desde a primeira hora, integrando o Conselho de Coordenação e a Equipa de Gestão do Projeto. Acompanhamos as visitas a algumas escolas com a equipa da CDI. Alguns professores de informática integrados no projeto, participaram em ações de formação que temos vindo a dinamizar através do nosso Centro de Formação de Professores.

No final do ano letivo estivemos presentes nos dois eventos regionais (Lisboa e Porto), bem como no evento final do Apps for Good. Neste evento final decorreu uma mesa redonda com representantes das várias instituições parceiras, na qual participou a Presidente da Direção. Quando questionada sobre a motivação da ANPRI para se associar a este projeto, não hesitou respondendo que “a ANPRI está onde os professores de informática estão, pois está ao lado deles. Neste caso, em particular, esteve para abrir a porta à entrada dos professores de informática e que o resultado estava à vista de todos os presentes.”  Nesta mesa redonda foi-lhe também colocada a questão - se não a incomodava a participação de outros professores? - ao que prontamente respondeu  que "não, o que a incomoda é quando os professores de informática não têm as mesmas oportunidades, pois este projeto envolve pelo menos três ingredientes importantes - a tecnologia, a cidadania e a metodologia, permitindo a integração de várias áreas do saber, mas também um ensino da informática de forma mais integrada e contextualizada, por isso tem a certeza que cada professor de informática deu o seu melhor, em cada escola, em prol de uma melhor educação com a tecnologia.”  A ANPRI participou ainda no Júri e na entrega de prémios.

Parabéns a todos os professores e alunos que participaram neste projeto.